sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Incentivando o gosto pela leitura

Ler histórias é a melhor forma de incentivar as crianças à leitura, diz especialista

Gabriela Agustini
Em São Paulo
 
Ler histórias para crianças ainda não alfabetizadas é a melhor forma de incentivá-las à leitura. E, para estimular o hábito, é preciso que ele esteja inserido na rotina. O conselho é da psicóloga Cisele Ortiz , coordenadora do Instituto Avisa Lá, uma ONG que trabalha com a formação de educadores.

"Desde antes de nascer até os 7 anos, quando já pode ler sozinha, é importante que alguém narre as histórias para a criança permitindo que ela entre em contato com o mundo da literatura", diz.
 
Crédito: UOL Educação
O livro "Enciclopédia Pré-Histórica dos Dinossauros" tem dobraduras sofisticadas
Segundo a psicóloga, é ouvindo histórias que os pequenos têm uma primeira experiência com a linguagem escrita e sua estrutura. "Quando ficar mais velha, essa criança certamente reconhecerá o valor cultural que um texto tem", diz Cisele.

Ela ressalta ainda a diferença entre ler uma história e contá-la. "Quando lemos, usamos uma linguagem diferente da falada, o que introduz elementos que serão formalizados, mais para frente, na escola."

Outra especialista no assunto, a coordenadora do projeto de formação de leitores do Colégio Pentágono, em São Paulo, Liliane Araújo, concorda com a importância de o incentivo começar cedo, antes mesmo de as crianças serem alfabetizadas.
 
  • Por que ler é fundamental?
  • Pais podem influenciar o hábito de leitura
  • Jovens querem barulho para ler, diz pesquisa
  • Índice de não-leitores é de 45%, aponta pesquisa

    Para Araújo, o espaço de leitura deve ser também um local de encontro, com música e troca de idéias entre as crianças - "bem diferente de uma biblioteca tradicional, em que o silêncio predomina". "O livro deve ser um companheiro, um amigo das crianças pequenas", diz.

    Livro ou brinquedo?

    Ao visitar a seção infantil das livrarias, o consumidor vai encontrar todo tipo de livro - alguns com tantos recursos, como aqueles que vêm com fantoches e pop-ups, que mais se parecem com brinquedos.

    Um atrativo nessa "categoria" é a possibilidade de interação que ela promove. "É um convite à criatividade e ao estímulo dos sentidos", explica Araújo. "A criança pode inventar a história, criar e pegar os personagens", exemplifica Ortiz.

    Se os livros oferecerem suporte aos pais para contar uma história e para brincar com a criança, eles são uma boa pedida. "Alguns têm painéis imantados ou trazem fantoches, marionetes, teatro de sombras - recursos ótimos para enriquecer o cenário da história", conta Ortiz.

    Esses atrativos também são apontados por Araújo como importantes para chamar a atenção dos pequenos leitores. "Quando a criança ainda não é alfabetizada os elementos visuais são os únicos que ela entende. Aprendendo a ler imagens, ela terá o caminho aberto para querer aprender a ler palavras no futuro", diz.

    No entanto, Cisele Ortiz faz um alerta: "não é porque ensina uma criança a virar uma página, que o livro desperta interesse por leitura", complementa. Tudo vai depender do uso do produto. Um livrinho daqueles de plástico com figuras e sem texto, por exemplo, será apenas um brinquedo se os pais não o utilizarem para contar uma história. O mesmo vale para produtos com recursos como sons e pop-ups.

    Incentivo em casa

    A melhor forma de aproximar uma criança da leitura é oferecer a ela o exemplo em casa. "Pais leitores tendem a influenciar o comportamento futuro de seus filhos", atenta Cisele.

    Ela conta que promover situações de leitura no dia a dia é um ótimo incentivo. "Existem crianças que aprendem a ler na Igreja, ao tentar acompanhar o folheto da missa como os demais familiares", diz.

    "Nesse sentido, uma boa idéia é, por exemplo, deixar a criança em fase de alfabetização ajudar a ler a receita de um bolo que está sendo preparado pela mãe", explica Cisele. "Compartilhar o cotidiano ajuda ainda a estabelecer vínculos emocionais".

    Leia também:

    Fonte e Crédito: UOL Educação

  • 12 Recado(s). Após o sinal, deixe o seu!:

    Camila

    É isso aí, Juca! Concordo plenamente com tudo que está no seu post. O estímulo à leitura tem que começar cedo e os pais têm que entender que essa função não é só da escola, na verdade, o exemplo em casa é realmente o mais importante. E isso não só para a leitura, é claro!

    Parabéns pelo post, Juca!
    Adorei!

    Beijos!

    Odele Souza

    Sem duvida. Os pais podem incentivar muito o gosto pela leitura em seus filhos.Se essa tarefa for encarada como um prazer, o resultado sera melhor ainda. (nao estou conseguindo acentuar as palavras...)

    Bom domingo.

    Glayce

    Juquinha, oi! =)
    Muito legal isso... Eu havia lido uma reportagem que falava sobre esse tema. Achei bem interessante, pois não imaginava que mesmo a criança não entendo nada pode despertar o interesse. \o/ Eu não tive isso qd criança...=( Mas com certeza passarei à minha filha!

    Beijããão

    *Renata

    Oi Juca,

    Achei seu post muito interessante. Eu convivi muito com os livros desde pequena. Tinha incentivo em casa e o exemplo, já que minha mãe lia muito.
    Hoje, sou viciada neles. Sinto prazer desde a hora em que os compro, na hora de colocar meu nome, até quando começo de ler e chego no final.
    Li que uma pesquisa mostrou que as pessoas infelizes assistem mais TV enquanto as felizes leêm mais. Até escrevi sobre isso no me último post.

    Abração!

    Juca

    Camila, Odele, Glayce e Renata, obrigado pela presença e por enriquecer o post com seus comentários! :-)

    Bom domingo!
    Beijos!

    Glayec

    http://i440.photobucket.com/albums/qq123/glaycesantos/gifjuuuca.gif


    Endereço do gif, Juca!!!!

    Su

    Sim, sim... Eu sou do tipo que leitura seempre.
    Sempre gostei de presentear os meus pimpolhos com livros, mesmo aqueles só de gravuras para pintar... mas sempre presenteei com livros, acho que por isso que o meu mais velho adoora ler, e a minha pequena desenha tão perfeito, pra idade dela... Leitura sempre!!!
    Belissimo post, Juca!!
    Beijão

    Su

    Ah... esqueci de dizer que para esse ano, os meus meninos pediram livros a "titia noela" kkkk...

    Vanessa

    Juca, adorei seu post. Meu bebê de um ano e dois meses tem livrinhos de pano e eu conto histórias minhas usando meias como fantoches mas não tinha conhecimento desse projeto de introdução do livro para os pequenos. Começarei imediatamente.

    Que post bom!!!

    bj

    Juca

    Bom-dia, Su e Vanessa! Que belo exemplo vocês nos dão! Parabéns!

    Pois é, achei esta matéria muito interessante, aí resolvi trazê-la pra cá!

    Obrigado, meninas! Tenham uma ótima semana!

    Beijos!

    PS: Su, você é uma "titia noela" e também uma "titia professora", já que sempre incentivou as crianças à leitura! rsrs

    Urbano Leonel Sant' Anna

    Texto muito apropriado, Juca!
    Ainda mais nos tempos de hoje em que as crianças são empurradas para as garras de uma babá eletrônica que pouco está se lixando para o que os olhos dos pequenos podem estar presenciando na tela. Eu sempre li e tenho lembranças muito antigas de meus pais contando histórias para mim e meus irmãos. Lembro muito bem também do prazer que eles demonstravam com o ato de ler. Sem dúvida, estes foram os principais estímulos para despertar o interesse pela leitura em mim.

    Grande abraço!

    Sensata Paranóia

    Juca

    Pois é, Urbano, precisamos trazer de volta o prazer da leitura nos pequenos. Os pais hoje em dia preferem, por comodismo, para dizer o mínimo, deixar seus filhos diante de videogames e similares em detrimento de passarem mais tempo de convivência com eles. Tirar algum tempo para ler para e com os filhos é muito importante para a vida adulta deles. Além do mais, harmonizaria muito a vida familiar!

    Abração, meu amigo!

    Assinar Feed dos Comentários

    Postar um comentário

    Obrigado por deixar seu comentário sobre os serviços da "Lavanderia Virtual". Procurarei respondê-lo o mais rápido possível. Volte sempre! :-)

    Abraços,
    Juca (o gerente)



     

      ©Template Lavanderia Virtual, Customizado por Juca, baseado em Blogger Addicted.____Icons by DryIcons._____Ping Technorati____