segunda-feira, 28 de julho de 2008

Retinoblastoma: o conhecimento é seu melhor aliado

Recebi um email alertando para uma doença chamada retinoblastoma. Como pode ser deduzido, trata-se de uma doença que acomete os olhos. Nem fazia idéia da existência de mais essa doença. Sendo assim, acho que uma forma de ajudar é disseminando o conhecimento.
Segundo este artigo, a retinoblastoma é considerada uma doença que acomete a retina ocular:
"Retinoblastoma é um tumor ocular originário das células da retina (membrana ocular sensível à luz). Trata-se do mais comum tumor ocular na infância e pode ter caráter hereditário, o que ocorre em 10% dos casos."
O retinoblastoma pode acometer um ou ambos os olhos e é bastante agressivo, podendo invadir o nervo óptico e o sistema nervoso central, sendo, nestes casos, fatal. Pode, ainda, determinar metástases (transferência da afecção para outras partes do organismo, dando origem a tumores secundários). Por este motivo a doença deve ser diagnosticada o quanto antes.
A doença pode estar presente já ao nascimento e, geralmente, acomete crianças na fase pré-verbal até os dois anos e meio de idade, por isso é fundamental que pais e pediatras estejam atentos para qualquer sinal. Segundo estudos, o retinoblastoma atinge crianças de ambos os sexos e de todas as raças.
Quando diagnosticado em tempo, o retinoblastoma é curável e a visão da criança pode ser preservada. Quanto mais tardiamente for detectado, no entanto, menores as chances de um resultado favorável."
Este outro artigo traz um alerta sobre um possível retorno da doença após o tratamento, o que denota que é preciso ficar atento:

"Embora o retinoblastoma seja um tumor relativamente incomum, ocorre numa proporção de 1:15.000 a 1:20.000 nascidos vivos. Nos EUA, aproximadamente 300 crianças e adolescentes menores que 20 anos de idade são diagnosticadas com a doença a cada ano. No Brasil, a notificação de dados sobre a incidência deste tumor é ainda desconhecida, havendo relatos de variações entre diversas regiões, sendo descritos 5,9 casos por milhão de habitantes em São Paulo.
O retinoblastoma tem origem neuroectodérmica, apresentando-se em sua forma hereditária em 40% dos casos, com herança autossômica dominante, ligada à mutação no braço longo do cromossomo 13. Clinicamente é evidenciado de forma bilateral, uni ou multifocal. Em 60% dos casos, na sua forma esporádica, o retinoblastoma é geralmente unilateral e unifocal. Em 5 a 15% dos casos bilaterais pode-se encontrar o tumor desenvolvendo-se na glândula pineal (pinealoblastoma ou retinoblastoma trilateral).
A maioria dos casos ocorre em crianças bastante jovens, com 63% abaixo de dois anos de idade e 95% antes dos cinco anos. Após essa faixa etária, o aparecimento de retinoblastoma é raro, observando-se descrição de poucos casos na literatura."
Acesse o site TUCCA e saiba mais informações sobre a doença, seus sinais e sintomas e tratamentos indicados. Existe também um telefone para ligações gratuitas: 0800-770-4665.



 
Repasse aos seus familiares, vizinhos e amigos!

19 Recado(s). Após o sinal, deixe o seu!:

NANDO DAMÁZIO

Me comoveu estas fotos, crianças tão novas e já com problemas assim. =/

Eu também achei muito interessante saber sobre esta doença, Juca, acho que até já vi gente com olho assim, mas não fazia idéia do que se tratava.

É a Lavanderia do tio Juca como sempre prestando utilidade pública! =)

Tô levando seu baninho novo pra lá.

Abração!

Juca

Então, Nando, só o conhecimento pode salvar e amenizar a dor! Já sabe, então, espalhe por aí!

Obrigado!
Abração!

NANA

Quando li o nome, não liguei o nome à doença, mas depois que vi as fotos lembrei que já recebi um email falando sobre esta doença.
Juca, bela iniciativa essa sua de postar sobre o assunto levando conhecimento à todos.
Bêjos

Juca

Foi isso mesmo que pensei, Nana, ao receber o email: levar o conhecimento para que mais pessoas possam multiplicá-lo!

E o vídeo com a Arósio bem que podia ser mais divulgado na TV.

Beijos!

Carol

Juca
A net parou e eu nem me despedi de vc.
Foi um prazer trocar 2 palavra com vc, beijo... depois eu volto pra lavar a minha roupa suja.

Juca

Oi, Carol!

Fica tranqüila, depois nos falamos com calma! Aqui em Sampa a energia acabou logo depois que você "caiu" do MSN! Também nem me despedi da Nana! rsrs

Volta, sim! Fique à vontade! :-)

Beijos!

ChulapA

Eh verdade irmao
segredo eh nunca parar de estudar e se interessar pela coisas e sempre aprender
um forte abraco

Juca

Renan, você tem toda razão: é preciso manter o interesse sempre!

Forte abraço!

Du

Eu já tinha ouvido falar nessa doença, é muito triste! E o interessante é esse diagnóstico pelas fotos, heim?
Adoro esses artigos sobre saúde!

Beijão querido e obrigada por tudo, a minha caixinha de comentários ficou linda, graças a você!

Du

Juca

Nem sabia da existência, mas essa forma de diagnóstico prévio pelos próprios pais ou familiares é muito interessante mesmo!

Beijão!

PS: Não fiz nada demais, mas fiquei feliz pelo pouco que fiz para deixá-la contente! :-)

moca-do-sonho

Juca, estou comentando aqui novamente, porque estranhamente perdi acesso a algumas caixinhas de recados nos blogs, como a sua e a da Rô (por enquanto foram as que percebi) perdi acesso ao ggtalk também. Bom, pelo menos ainda tenho o blog, espero que não me tirem isso também!
Ia trocar teu banner lá no blog mas vou esperar as mudanças, ok?

Desculpe não ter te dado a devida atenção ontem, tá?

Beijão

Juca

Du, fica tranqüila sobre não ter dado atenção! Mais de dois no MSN dá nisso mesmo! rsrs Engraçado que tive também essa mesma preocupação contigo!!

Agora quanto a essas alterações de acesso, espero que não seja definitivo ou que seja algo aleatório e não da empresa!

Beijão!

cam

Ah, agora que vi as fotos, lembrei dessa doença. Quando minha filha era pequeniniha se desse qualquer coisa com o flash eu ja achava uma desgraça. Maes de crianças pequenas sofrem com esses sustos.
Se Deus quiser todas as criaças que tenham isso possom ser detectadas em em tempo.
Bjos,
Cam

Juca

Cam, que bom que você já estava a par dessa doença. É importante mesmo detectar cedo o problema para que se possa tomar providências.

Beijos!

PS: Obrigado pela visita. Volte sempre!

Anônimo

Oi tenho uma filha que tem o retinoblastoma bilateral;percebi aos 7 meses de idade, hoje ja com 5 anos.
Foi feito o tratamento adequado que resultou na calcificação do tumor.So que ate hoje tem medo por saber que pode voltar a qualquer momento. Gostaria de saber quais o primeiros sinais,sintomas para uma possivel volta do tumor e se e normal o brilho dos olhos continuar apos o tratamento.Ela perdeu o olho direito e faz manuntenção no esquerdo. obrigado.josiane.

Juca

Olá, Josiane!

Primeiramente, obrigado pela visita e comentário aqui no post. Isto me deixa incentivado a continuar seguindo adiante com o blog. :-)

Fico feliz por saber que és uma mãe zelosa, que percebeu tal doença em sua filha e que buscou os tratamentos de que ela necessitava. Parabéns!!

Não sou especialista, não sou médico, o que faço aqui é expor informações de modo a levá-las mais rapidamente àqueles que delas precisam. No texto do post acima existem vários links (clique nas palavras em destaque) que levam a outros sites com informações mais detalhadas sobre a doença, os diagnósticos, os tratamentos, a prevenção. Ainda assim, entendo que seja necessária uma vigilância mais apurada, talvez com exames e retornos médicos anuais ou mesmo semestrais. Mas repito que só um médico especialista poderá orientá-la quanto ao caso particular de sua filha.

Se você for aqui de São Paulo, veja mais detalhes no site do Hospital A.C.Camargo, clicando aqui:

"Centros especializados, como o do Hospital do Câncer A. C. Camargo, contam com oncopediatras, especialistas em cirurgia e radioterapia, enfermeiras treinadas para lidar com crianças. Essas equipes incluem ainda psicólogos, nutricionistas, fisioterapeutas e pessoal especializado em cuidados paliativos e no acompanhamento da criança após o tratamento."

Parabéns pela coragem de sua filhinha e pelo seu amor incondicional a ela. Força, sempre!

Viviana

oí tudo bem?Meu nome é Viviana,há menos de 3 meses descobrimos que minha sobrinha de 3 anos está com retinoblastoma.Estamos com muita fé em Deus e muito confiantes.Fiquei muito feliz em saber que existem pessoas como você que se preoupa em alertar os pais e famíliares sobre esse problema.Bjs

Juca

Olá, Viviana!

Tudo bem, obrigado! :-)

E lendo seu comentário fiquei muito feliz, pois tento deixar aqui um pouquinho de informação para que possamos nos ajudar mutuamente! Se não fizermos assim, o que nos resta? :-)

Bom, fico aqui torcendo por sua sobrinha! Que bom que vocês descobriram a tempo, pois quanto antes descoberto mais rápido pode-se ministrar o tratamento.

Boa sorte!

Obrigado pela visita! Volte sempre que puder e quiser!

Beijo!
Juca

Casa Cor de Laranja

Interessante seu blog,bem informativo.
Rosana

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Obrigado por deixar seu comentário sobre os serviços da "Lavanderia Virtual". Procurarei respondê-lo o mais rápido possível. Volte sempre! :-)

Abraços,
Juca (o gerente)



 

  ©Template Lavanderia Virtual, Customizado por Juca, baseado em Blogger Addicted.____Icons by DryIcons._____Ping Technorati____