segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Senador da República e sua esposa são agraciados com sala especial em curso de Direito


Fonte: Senado Federal


Este é mais um caso absurdo de abuso do poder. O mais irônico disso tudo, além do fato em si, é que tal "deslize" (para dizer o mínimo) foi cometido por um senador da República.

Segundo matéria do site Última Instância, a Faculdade Alfa, localizada em Goiânia, montou uma turma no curso de Direito com intuito de atender especialmente dois alunos: senador Marconi Perillo (PSDB-GO) e sua digníssima esposa.

Agora, mais absurdo ainda, foi o argumento que a tal faculdade usou para abrir a turma especial: "sob a justificativa de atender necessidades especiais de Marconi Perillo, montou uma turma especial no curso de direito com apenas dois alunos: o senador e sua esposa Valéria Perillo" (Última Instância, 19/10/2007).

Então, pergunto: atender quais necessidades especiais? Fiz uma breve busca no site do Senador e não constatei qualquer menção sobre o senador ser portador de deficiência física ou necessidades especiais. Mesmo que esse fosse o caso, bastaria que a Faculdade Alfa providenciasse os recursos necessários para acesso ao curso e aos ambientes de estudo. Mas isso deve ser um direito de todos, segundo a legislação brasileira.

Ainda segundo aquele site, in verbis:

"O MPF (Ministério Público Federal) em Goiás ajuizou ação civil pública, com pedido de liminar, contra a Faculdade Alfa (Faculdade Alves Faria), Marconi Perillo (senador da República), Valéria Perillo e a União Federal por concessão de tratamento privilegiado a agente político".

"Para o MPF o fato viola os princípios da isonomia e da generalidade na prestação de serviços públicos, configura tratamento seletivo e privilegiado sem previsão constitucional ou legal e viola as diretrizes e bases da educação nacional, previstas na Constituição da República e na Lei 9.394/96."

O senhor senador perdeu a chance de manter seu currículo e histórico de vida impecáveis, pois o exemplo deveria vir de cima. Resta-lhe, no mínimo, um pedido de desculpas aos brasileiros e àqueles que votaram nele. Afinal, errar é humano!

Fonte: Última Instância (clique aqui para ter acesso à materia completa, diretamente do site)

6 Recado(s). Após o sinal, deixe o seu!:

Du

Duvido que ele peça desculpas e se pedir, o que resolveria depois do ato ocorrido? Heim, Juca? De que adiantariam palavras bem articuladas depois de uma atitude tão torpe?
Upffffffffffff
O melhor seria que esse tipo de coisa, jamais acontecesse.


Abraços amigo, e obrigada por seus comentários no meu Norte.

Juca

É, Du, você tem razão. Esse tipo de atitude nem deveria ocorrer. Em se tratando de políticos, a desculpa seria só mais uma artimanha para nos engambelar.

Du,
Obrigado! Volte sempre! Beijos! Juca

Lusófona

É a mania de grandeza, de se achar poderoso e tudo posso.... francamente.. espero que não tenha mais nenhum voto, nem da família..

Beijos

p.s. obrigada pelos comentários tão ternurosos, eu também gostei daqui desde a 1ª visita =0)

Lucas Ghellere

Aí, Juca! Obrigado pelas visitas freqüentes e pelos comentários! Quanto ao post, que maravilha de senadores hein! Já não falta mais nada de errado que eles ainda não fizeram. Abração e bom dia pra vc (por aqui está super ensolarado - nada de chuva heheeh)

Du

Juca, já que não tem post novo ainda, vou te agradecer por aqui mesmo! Muito obrigada outra vez pelas visitas e o carinho, isso me deixa muito feliz!Que bom que gosta das minhas músicas! hehehehehe

Beijusssssssssss

Lusófona

Olá Juca!! Vim deixar um beijinho =0)

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Obrigado por deixar seu comentário sobre os serviços da "Lavanderia Virtual". Procurarei respondê-lo o mais rápido possível. Volte sempre! :-)

Abraços,
Juca (o gerente)



 

  ©Template Lavanderia Virtual, Customizado por Juca, baseado em Blogger Addicted.____Icons by DryIcons._____Ping Technorati____